• Até 7 dias para devolver a compra
  • Em até 12x sem juros
Meu carrinho
0
Seu carrinho está vazio
Dicas

Painel Ripado: Qual escolher madeira ou poliestireno?

Publicado em 18.08.2022 |
Visualizações
3.638 visualizações

O painel ripado já conquistou muita gente, não é para menos, já que serve como decoração e pode ser funcional. Por isso, é importante saber tudo sobre o assunto.

Decorar a casa é um processo longo, são vários detalhes e muitas novidades, uma delas é o painel ripado. Com certeza você já ouviu falar, é uma das sensações do momento, pois cria um ambiente elegante.

Além de passar uma imagem sofisticada, o painel ripado é versátil e pode ser colocado em diversos locais.

Por exemplo: no teto, nas paredes, cabeceiras de cama, balcões, como divisórias, painel de televisão, para criar um belo jardim vertical ou um hall de entrada. Por isso, vem chamando a atenção cada vez mais.

Se interessou? Continue a leitura para tirar todas as dúvidas sobre o painel.

O que é um painel ripado?

sofa em frente a parede feia com ripados

É sempre bom começar do básico, o painel ripado é composto por ripas que se juntam por meio de um encaixe, assim fica uma do lado da outra.

Geralmente, a distância entre elas é pequena, o que cria um efeito de repetição.

Atualmente, está sendo muito usado para substituir a parede lisa convencional, pois a estrutura pode ser utilizada em ambientes internos e externos.

A peça é bem versátil e se torna um item de decoração moderno.

O painel pode ser produzido com tipos diferentes de madeira e poliestireno, nos próximos tópicos vamos abordar os melhores materiais. Fique atento e anote nossas dicas.

Quais são os materiais do ripado de madeira?

decoracao em uma sala

O ripado de madeira pode ser produzido com as madeiras naturais, sendo elas: Freijó, Cumaru e Imbuia.

Nesses casos as peças ficam mais caras, já que o material é nobre e proporcionam um resultado bem superior.

A madeira é muito escolhida para esse tipo de painel por criar um efeito rústico e elegante, dessa forma qualquer ambiente ganha um ar contemporâneo.

Além disso, os três tipos de madeiras naturais que citamos acima são altamente resistentes e duráveis, é indicado para quem não quer trocar de painel por um bom tempo.

Mesmo assim, os ripados de madeira podem sofrer com cupins, mofo e fungos, então é necessário ter um cuidado redobrado.

Por outro lado, a madeira permite uma variedade de desenhos, dessa forma, é possível fazer ripas mais largas, ou finas e até mesmo mexer no espaço entre os frisos.

Além do Freijó, Cumaru e Imbuia, o painel ripado de madeira pode ser confeccionado com o Ipê e o Mogno.

Esses dois últimos tipos de madeira são considerados avermelhadas, por conta disso a estrutura pode ter uma tonalidade mais forte.

Hoje em dia o Ipê e o Mogno não são utilizados com frequência, pois mesmo sendo madeiras nobres o acabamento não fica tão bom.

Outro detalhe que é necessário levar em consideração é a mão de obra. Esse trabalho é essencial e precisa ser realizado com muito cuidado, ou seja, opte sempre por profissionais qualificados.

Mas calma que ainda temos mais informações importantes. A madeira é uma matéria prima cara, dessa forma é sempre bom ter uma outra opção, como o poliestireno.

Venha conferir qual material é melhor para o painel ripado.

Qual o melhor: Ripado de poliestireno ou ripado de madeira?

comodo de uma casa luxuosa com detalhes na parede

Como já comentamos, o ripado de madeira é altamente durável, mas tem um custo alto e necessita de cuidados com cupins, por exemplo.

Já o ripado de poliestireno costuma ter um preço mais acessível, o material é mais leve e impede a ação de fungos.

Além disso, pode ser personalizado com mais facilidade e instalado de forma mais rápida.

O poliestireno é construído a partir do plástico reciclável. Ou seja, pode ser uma ótima opção para os ambientes e ainda tem uma pegada sustentável.

Para definir qual é o melhor material para o painel ripado é necessário entender as suas necessidades, como por exemplo: orçamento, projeto de decoração e tempo disponível.

Se procura agilidade e preço baixo a dica é investir no ripado de poliestireno, porém se deseja manter uma estética mais rústica os painéis de madeira nobre são a opção correta.

Ou seja, a decisão deve ir de acordo com o seu planejamento, para isso utilize as nossas informações. 

Qual a largura ideal para um ripado?

A espessura e largura das ripas e dos frisos podem variar dependendo do tipo de material e também da escolha do cliente.

É recomendado fazer o painel com friso mínimo de 0,5 cm de largura e espessura, e largura das ripas acima de 1,5 cm. Assim, é possível ter espaço para limpar e a peça não irá empenar.

Como escolher o painel ripado?

decoracao de um comodo da casa

ver todos os modelos

Alguns tópicos devem ser levados em conta na hora de fazer a escolha, afinal o painel será parte da decoração.

Por isso, é necessário ter certeza do tipo de material e do modelo do ripado.

Confira as nossas dicas para não errar.

Leve em conta o seu orçamento

Essa é uma parte essencial, o bom mesmo é colocar o seu orçamento no papel, quanto você pode gastar, uma reserva para imprevistos e o preço de cada coisa.

Faça pesquisa;

Antes de fechar o negócio é preciso comparar preços, materiais e mão de obra. Dessa forma, pesquisar é o jeito mais fácil e certeiro.

Procure por lojas e profissionais especializados;

Por mais que alguém ofereça um serviço abaixo do preço é recomendável escolher especialistas, já que o painel requer um certo trabalho.

Conheça os modelos disponíveis;

Para ter certeza da escolha certa você precisa primeiro conhecer todos os modelos, até encontrar o ideal.

Tenha um projeto definido.

E por último, mas não menos importante, é necessário definir um projeto, onde vai ser colocado o painel, qual será o uso dele e como será feita a decoração.

Conclusão

Com essas informações já é possível começar a procurar o painel ripado perfeito para você. Lembre-se que a Repare Online tem tudo o que a sua casa precisa.

Aceite os cookies e tenha uma melhor experiência em nosso site, consulte nossa Política de Privacidade.